You are currently viewing Por que a gente é do jeito que é? Entenda mais sobre a formação da sua personalidade

Por que a gente é do jeito que é? Entenda mais sobre a formação da sua personalidade

A palavra personalidade vem do latim persona, que faz referência às máscaras usadas pelos atores no antigo teatro grego. Atualmente, ela também se refere à “máscara” que usamos diante do mundo, ou seja, como nos apresentamos às pessoas do nosso cotidiano.

A partir do entendimento da personalidade, costuma-se dizer que o ser humano é biopsicossocial. Portanto, esses três aspectos (bio + psico + social) constituem a personalidade de cada ser humano, e não podem ser divididos.

Quer saber mais sobre a formação da personalidade? Então continue acompanhando este artigo até o final!

A formação da personalidade

50% da nossa personalidade desenvolve-se nos primeiros 7 anos de vida, e 30% antes de completarmos 15 anos. Tudo o que será aprendido no decorrer da vida, seguirá essa base.

Na vida adulta, podemos modificar nossos comportamentos, mas nossa personalidade permanece.

DISC, uma teoria para determinar o perfil de personalidade

D: dominância;

I: influência;

S: sobriedade (estabilidade);

C: conformidade;

A teoria DISC mede os comportamentos e emoções observáveis ou previsíveis, mas vale ressaltar que a individualidade de cada um é muito mais complexa. Sendo assim, não deve ser classificado como um “teste de personalidade”.

Sua finalidade é criar um melhor aproveitamento do potencial humano, nunca manipular ou rotular uma pessoa. Um padrão comportamental nunca é melhor que o outro.

Seu estilo comportamental é a combinação dos quatro fatores (altos ou baixos) comportamentais (DISC).

Todos temos a habilidade de se adaptar a qualquer estilo, o que requer maior energia. A linguagem do DISC identifica as tendências naturais e dá o direcionamento para que conscientemente a pessoa se adapte às diferentes situações.

Você já ouviu falar em Hard Skills e Soft Skills?

Hard Skills são as habilidades técnicas, que podem ser aprendidas e facilmente quantificadas.

Ou seja, as habilidades advindas da escola, de cursos, de livros, etc. Em um processo seletivo, essas habilidades podem ser observadas por meio de testes, avaliações de conhecimento, dentre outros.

Alguns exemplos de Hard Skills: gestão de projetos, mecânica de motores, programação, Excel avançado, contabilidade, operação de máquinas, domínio de idioma estrangeiro.

Já as Soft Skills são as habilidades comportamentais, e estão associadas à capacidade de lidar com emoções.

São mais difíceis de serem ensinadas e quantificadas, pois são o resultado de tudo o que o indivíduo vivenciou em seu meio psicossocial e podem estar ligadas à capacidade inata das pessoas.

Em um processo seletivo, essas habilidades podem ser observadas por meio de testes comportamentais/psicológicos, dinâmicas e afins.

Alguns exemplos de Soft Skills: comunicação interpessoal, persuasão, proatividade, resiliência, resolução de conflitos, liderança, confiança, criatividade, comunicação, organização.

“Conhece-te a ti mesmo” – Sócrates

A maioria das pessoas não tem a menor ideia de quem sejam. Ter o autoconhecimento e saber quais são seus limites é uma grande chave profissional e pessoal.

Muito se discute sobre as estratégias para se alcançar sucesso profissional e pessoal e evoluir continuamente. Mas antes de tudo, é necessário conhecer a si mesmo.

Isso é vital para evoluir em todas as esferas possíveis, sendo uma das principais ferramentas para atingir o sucesso profissional e pessoal.

A importância do autoconhecimento na liderança

Um líder é peça fundamental para repassar a cultura da empresa e engajar a equipe a caminhar ao sucesso, para que a missão, visão e valores da organização estejam alinhados, entregando assim melhores resultados. Nesse sentido, saber primeiramente se conhecer é essencial para conhecer os valores da empresa e da sua equipe.

Para te ajudar nesse processo, criamos o PLENO: Programa de Liderança Estratégica Nas Organizações.

Seja para crescer na carreira ou se tornar um líder melhor em seu negócio próprio, o PLENO foi pensado para você que quer desenvolver suas competências e está disposto a implementar mudanças de comportamento na sua rotina pessoal e profissional!

Saiba mais sobre o programa clicando aqui.